Projeto do escritório Miroglio Textile é semifinalista na categoria Workspace

O site World Architecture News, fonte global para arquitetos, designers e engenheiros, promove o “Interior Design Awards 2011”, premiação que escolhe os projetos arquitetônicos mais criativos do mundo.  O prêmio é dividido nas categorias de Residências, Escritórios, Cultural, Institucional, Hotéis, Transportes, Educação e Saúde. O  Rocco, Vidal +arquitetos, foi escolhido como semifinalista em projetos de Escritórios com o projeto da Miroglio Textile, multinacional fabricante de tecidos.

Sede de uma empresa têxtil, o escritório possui pouco menos de 400 metros quadrados de área que abrigam espaços de trabalho e showroom da marca. Com ambientes totalmente integrados e amplos, os destaques do projeto ficam por conta das instalações e lajes em concreto aparente, revestimentos em madeira Cumaru e dos móveis em laminado melaminico branco.

“Concursos como o realizado pelo site World Architecture News são sempre provocativos para o panorama arquitetônico. A intenção de reunir diferentes ideias de concepção espacial gera discussões e engrandece o repertório geral dos profissionais. A nossa participação e a escolha como Semifinalistas deste seleto grupo deixa a equipe do Rocco, Vidal +arquitetos orgulhosos e demonstra que conseguimos unir todos esses conceitos com um ótimo resultado”, destaca Giovanna Oliva, arquiteta do escritório.

Para a escolha do ganhador, o Interior Design Awards 2011 analisará nos materiais apresentados, a originalidade, inovação, qualidade espacial, sustentabilidade, contexto, atendimento às solicitações do cliente e o uso em benefício da construção e da comunidade local.

MAIS SOBRE O PROJETO

Miroglio Textile - Um Escritório com showroom de perfil refinado e atual, propício à criação de novos produtos e à potencialização dos negócios da grife no país. A planta retangular foi dividida ao meio, reservando espaços distintos para o funcionamento do escritório e para os clientes. A área reservada aos consumidores, onde funciona o showroom, é unificada pelo revestimento de piso e pela laje.
No lugar da recepção e seu tradicional balcão, aparece a sala de estar, espaço de acolhimento usado também para reuniões informais. Esse ambiente integra-se ao departamento de vendas por um lado e ao setor de atendimento, na extremidade oposta. A grande mesa permite mostrar peças de tecido e desenhos impressos que antecipam as próximas coleções.

O antigo forro foi removido, o que acrescentou 95 centímetros ao pé direito do conjunto e estabeleceu uma referência fabril. Mobiliário e acabamentos de tonalidades neutras fazem o pano de fundo para que os tecidos expostos assumam seu lugar de destaque na composição. Com quase 25 metros de extensão, os expositores contornam todo o core do edifício. Sobre eles, a caixa de tela tensionada oculta o sistema de iluminação por leds e responde pelo efeito de luz difusa. Essa tela ainda é perfurada pelos cabos finos de aço que sustentam argolas para exposição dos tecidos, dando a impressão de que eles flutuam.

Como um pórtico, a divisória de concreto aparente lembra o desenho de blocos empilhados e dá ao visitante a nítida percepção de que o ambiente segue por trás dela. Nesse espaço, junto aos grandes caixilhos da fachada principal do prédio, localiza-se o setor de criação, que ocupa o ponto central da outra metade da laje e utiliza a mesma linguagem aplicada à área de atendimento ao cliente.
Junto da fachada ainda estão os escritórios da diretoria e duas salas de reuniões, que podem se integrar ao atendimento. Esses ambientes receberam forros modulares e divisórias de vidro acústico com persianas embutidas, o que garante sigilo nas reuniões.

Confira mais notícias